Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Início Notícias Vale venderá parte do ouro produzido como subproduto de sua mina de...

Vale venderá parte do ouro produzido como subproduto de sua mina de cobre Salobo

A Vale informa que assinou um acordo com a Silver Wheaton (Caymans) Ltd. (Silver Wheaton), uma subsidiária integral da Silver Wheaton Corp., empresa canadense com ações negociadas na Toronto Stock Exchange (TSX) e New York Exchange (NYSE), para vender adicionais 25% dos fluxos de ouro pagável produzidos como subproduto da mineração de cobre na mina de Salobo durante a vida útil da mina.

commodities_ouro_bb_07

A transação

A transação envolve a compra de 25% do ouro pagável oriundo da mina de Salobo, no Brasil, até o fim da vida útil da mina. A Vale e a Silver Wheaton assinaram um aditivo ao acordo original de compra de ouro, datado de fevereiro de 2013, para abranger a compra do referido fluxo adicional de 25% de ouro pagável.




A Vale receberá um pagamento inicial em dinheiro no valor de US$ 900 milhões, e pagamentos futuros em dinheiro por cada onça (oz) de ouro entregue à Silver Wheaton baseado no menor valor entre US$ 400 por onça  e o preço de mercado. Esse valor será atualizado anualmente a 1% a partir de 2017.

A Vale poderá também receber um pagamento adicional em dinheiro, dependendo de sua decisão de expandir a capacidade de processamento do minério de cobre de Salobo para mais de 28 Mtpa antes de 2036. Salobo I e Salobo II, que estão em processo de ramp-up, terão capacidade de processamento total de 24 Mtpa de run-of-mine (ROM). Esse montante adicional poderá variar entre US$ 88 milhões e US$ 720 milhões dependendo do tempo e tamanho da expansão.

Não há comprometimento firme da Vale em relação às quantidades de ouro entregues. A Silver Wheaton tem direito a um percentual do ouro produzido como subproduto de Salobo, e não a volumes específicos, assumindo, em parte, o risco operacional do negócio. Com respeito ao risco associado à volatilidade de preços, a Vale está sujeita ao risco da variação do preço do ouro nas entregas à Silver Wheaton somente quando o preço do metal estiver abaixo de US$ 400/oz.

A transação libera valor contido em nossas operações de metais básicos e está consistente com a estratégia da Vale de criação de valor ao acionista.




Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Must Read

Canil da Guarda Municipal de Parauapebas fará apresentação na Escola Benedito Monteiro

A Prefeitura de Parauapebas investe em segurança cidadã e as ações da Guarda Municipal (GMP) visam maior aproximação com a comunidade. São rondas escolares,...

TV Record: Parauapebas ganha mais uma emissora com qualidade digital

Está no ar oficialmente em Parauapebas, desde o meio dia de hoje, terça-feira, 23, a TV Record Belém. A emissora é retransmitida pela sua afiliada...

Governo decreta isenção de ICMS para instituições religiosas estabelecidas no Pará

Instituições religiosas estabelecidas no Estado do Pará, que queiram isenção do imposto sobre circulação de mercadorias e serviços (ICMS) devem protocolar o pedido junto...

Helder anuncia concurso com 7 mil vagas para a Polícia Militar

O Governador do Pará, Helder Barbalho, anunciou nesta segunda-feira (22) que o Estado deverá realizar um concurso público para a Polícia Militar, com previsão...

Bruno e Marrone, Damares e Eliana Ribeiro são as atrações para o ‘niver’ de Parauapebas

Parauapebas completa 31 anos de emancipação no dia 10 de maio e a Prefeitura de Parauapebas está se programando para realizar um dos maiores...

Comentários