Um padrasto foi preso nesta quarta-feira (22), acusado de estuprar a enteada de apenas 10 anos. Segundo a investigação, os crimes ocorriam há pelo menos três anos.

De acordo com informações da Polícia Civil, ele teve ordem de prisão expedida pelo Poder Judiciário em decorrência de inquérito policial instaurado pelo delegado Fabrício Andrade. A prisão foi realizada, em Belém, no local de trabalho do acusado. O preso foi encaminhado inicialmente à Seccional de Ananindeua e em seguida conduzido ao Sistema Penitenciário. 

A prisão é decorrente de investigações que apontaram o estupro e a violência física. “Atualmente, a menor tem dez anos, mas estupro era praticado desde os 7 anos de idade”, afirmou o delegado Fabrício. Os atos eram praticados sempre aos finais de semana, quando a vítima ficava com o acusado. 

O fato foi denunciado por familiares da vítima. A garota passou por escuta especializada no Propaz Integrado em Belém e confirmou o crime sexual praticado pelo acusado. Dessa forma, com base nas provas, foi requerida à Justiça a prisão preventiva do acusado. (Diário do Pará)

Comentários