Com a argumentação de que está cada vez mais difícil para os alunos de escolas públicas ingressarem na universidade, o vereador Marcelo Parcerinho (PSC) propôs ao prefeito Darci Lermen, por meio da Indicação nº 248/2018, que crie o Projeto Vestibular Cidadão, visando melhorar a competitividade dos alunos do ensino médio para prestar vestibular.

Tendo em vista que a maioria dos estudantes de escola pública não tem poder aquisitivo para pagar um cursinho preparatório particular, o projeto tem como objetivo viabilizar aulas revisórias com foco em conteúdo específico para o vestibular, aumentando as chances desses alunos de fazerem um curso de ensino superior.

“Os mais favorecidos podem pagar um cursinho pré-vestibular, mas as pessoas pobres não podem. Assim, na hora de realizar os vestibulares, eles ficam em desvantagem, já que o ensino básico público não é suficiente para inseri-los nas universidades públicas e, ao mesmo tempo, não possuem renda suficiente para estudar em instituições particulares. Quero dar aos jovens de baixa renda condições para enfrentarem o vestibular com boas chances de aprovação”, enfatizou Marcelo Parcerinho.

A proposição do parlamentar foi aprovada por todos os vereadores presentes e será encaminhada para o Executivo Municipal, a fim de que o prefeito analise a viabilidade de implantar o Vestibular Cidadão.