Conferência Nacional da Juventude foi um fiasco

847

Representando o Pará na 3ª Conferência Nacional da Juventude, Henrique da Conceição Silva dos Santos foi um dos 44 delegados que participaram das discussões. Mas o jovem delegado não trouxe de lá boas notícias e critica tanto a estrutura organizacional quanto à condução das plenárias.

Henrique se queixa da política partidária que tomou conta do evento pondo a perder as discussões pertinentes às demandas de cada região. “O local era aberto e a juventude se dispersava. Outro ponto negativo foi a manipulação entre a realidade  de fato vivida pela juventude”, conta Henrique, dizendo entender que os líderes nacionais não tem conhecimento do que ocorre fora dos gabinetes.

As propostas, segundo ele, vieram prontas para serem votadas não podendo ser reformuladas. A votação das três prioridades não teve, ainda segundo Henrique, veracidade já que a contagem dos votos foi feita unicamente por membros da Secretaria Nacional de Juventude.

Sobre a política partidária ocorrida dentro do evento ele diz ter sido de grande prejuízo, pois a ala do PSDB era cerceada pelos petistas que os impediam de se manifestar levando para dentro da conferência uma campanha “anti-impeachment”.   Com isso a juventude do PSDB abandonou o evento e não contribuíram na construção das políticas. “Esperávamos que os eixos de discussões fossem fechados, mas foram tudo muito misturados”, explica Henrique, detalhando que saúde, educação, artes, movimento negro e LGBT tudo era votado misturado.  “Pouco produtiva com propostas centralistas”, conclui Henrique.

Sobre a Conferência – A III Conferência Nacional da Juventude aconteceu de 16 a 19 de dezembro, em Brasília, e trouxe diversas manifestações culturais, científicas e de comunicação. Mais de 870 jovens de todo o país se inscreveram para a Manifesta, mostra cultural da 3ª CNJ, que este ano trouxe como tema: As várias formas de mudar o Brasil.

A Conferência Nacional da Juventude só ocorre a cada quatro anos quando se faz a análise do Plano Decenal de Juventude.

Francesco Costa- Da redação

 

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here