adfasf

O tão almejado sim foi concretizado em uma bela cerimônia de casamento comunitário organizada para 300 casais que tiveram a oportunidade de celebrar o amor no último sábado (27). O evento ocorreu no Tatersal do Parque de Exposições de Agronegócios de Parauapebas e foi organizado pela Secretaria Municipal da Mulher (Semmu).

“Me casar no papel e ainda com uma festa linda dessas é a realização de um sonho. Depois de 26 anos de união com meu marido agora tenho essa oportunidade e sou muito grata à Deus e à todos que trabalharam para que esse evento acontecesse”, relatou emocionada a dona de casa Maria da Luz dos Santos, de 46 anos, que mora na zona rural do município.

O casal de nubentes Alan Aguiar Pinto e Elisandra Tainara Burato Aguiar também elogiou a organização do evento. “Me senti muito bem acolhido, o evento superou nossas expectativas”, destacou o noivo. Esse ano o casamento comunitário, que é uma das grandes ações realizadas pela Semmu, trouxe o tema fortalecendo os vínculos familiares.

E foi justamente sobre a importância desse fortalecimento familiar que a juíza Eline Salgado embasou o seu discurso durante o evento. O Pastor Adélio Portes, da Igreja Presbiteriana Renovada, também levou aos nubentes uma mensagem sobre os fortes laços familiares. A cerimônia civil foi conduzida pela juíza de paz Irenilde Barata.

De acordo com a secretária da Mulher, Terezinha de Jesus, o evento é planejado e demanda atividades durante praticamente o ano todo. “Nossa equipe pensa em todos os detalhes da cerimônia e também da festa, assim como atua no tramite de documentação junto ao cartório para a emissão da certidão de casamento. As inscrições foram abertas ao público, gratuitas e ocorreram tanto na zona urbana quanto na rural”, informou Terezinha de Jesus.

A preocupação com os detalhes realmente foi uma marca do evento, as noivas tiveram à sua disposição equipes para fazer penteados e maquiagens e também receberam um belo buquê.

 

Texto: Karine Gomes

Fotos: Anderson Souza

Comentários