Portal Notícias de Parauapebas

Pará supera a distribuição de 10 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19

O Governo do Pará superou a marca de 10 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 distribuídas pelo Estado, possibilitando o avanço da imunização nos 144 municípios. As prefeituras, além de executarem o calendário local, também são responsáveis pela inserção de dados no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI), do Ministério da Saúde, sobre os imunizantes aplicados – o que garante acompanhar o andamento da vacinação.

A equipe da Sespa planeja a executa a distribuição das vacinasFoto: Jader Paes / Ag.ParaDe acordo com o Vacinômetro (http://www.saude.pa.gov.br/vacinometro/), até o meio-dia desta segunda-feira (4 de outubro), 10.327.521 doses haviam sido enviadas aos municípios. Quanto à vacinação realizada de acordo com os calendários organizados pelas prefeituras de cada cidade, são 7.316.731 doses aplicadas até o momento.

“Superar a marca de 10 milhões de doses distribuídas no Pará é reflexo do nosso trabalho contínuo, para que todos os municípios recebam as vacinas o mais rápido possível e, dessa forma, organizem o calendário local de vacinação. É importante ressaltar que, a cada etapa de imunização executada, a gestão municipal deve atualizar a Sespa com informações sobre as doses aplicadas até aquele momento, pois assim conseguimos acompanhar o andamento da vacinação no Estado”, destaca Rômulo Rodovalho, titular da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

No Vacinômetro estão disponíveis informações enviadas diariamente por municípios extraídas diretamente do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização. Como o desempenho do acesso à internet e a informatização dos dados podem variar de uma região para outra, há o prazo de até 48 horas para que municípios registrem as doses aplicadas no Sistema de Informação.

As remessas de vacinas chegam ao Aeroporto Internacional de Belém e depois são enviadas aos municípiosFoto: Jader Paes / Ag.Para

Logística – Quando chegam ao Aeroporto Internacional de Belém, as vacinas são recebidas pela equipe de logística da Sespa, que planeja a distribuição dos imunizantes para todos os municípios – cada um recebe as doses de acordo com o quantitativo populacional e a atual etapa de vacinação. O envio é realizado por via terrestre, aérea e fluvial.

A Sespa reforça a necessidade de a população completar o esquema vacinal programado em cada cidade, e de manter as medidas de prevenção contra Covid-19, como uso de máscara e higienização das mãos. A Secretaria continua acompanhando o cenário da pandemia no território paraense, e durante a realização do Círio de Nazaré fará um monitoramento específico das doenças e agravos que ocorrerem durante o evento.Por Carol Menezes (SECOM)