A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) prorrogou a campanha de combate à Aids até o 16 de dezembro com o objetivo de alcançar a realização de 1.000 testes rápidos de HIV. No dia primeiro de dezembro, data alusiva ao Combate Mundial à Aids, foram realizados 515 testes dos quais 12 tiveram resultado positivo para o vírus.

 Cinco pontos de atendimento para realização dos testes rápidos foram focados no dia primeiro: Escola Municipal Primavera (no bairro Primavera), onde foram realizados 110 testes, Escola Mário Lago (na VS 10), com 85 testes realizados e Unidades de Saúde Tropical, Liberdade II e Palmares que realizaram 41, 64 e 216 testes respectivamente.

 A continuidade da campanha é fundamental para alcançar a meta por esse motivo a equipe do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) programou ações pontuais, nesta quinta-feira (03), por exemplo, os servidores que atuam no Fórum Municipal terão a oportunidade de realizar o teste.

 “A campanha para nós foi um sucesso, porque ela foi aceita pela comunidade, no dia seguinte nossa unidade lotou, estendemos a campanha porque a procura foi boa. Esperamos agora ultrapassar os mil testes”, avaliou o coordenador do CTA, Alan Weberth de Miranda.

 Importância do Teste

 Ter um diagnóstico positivo do HIV precocemente permite que o paciente comece o seu tratamento no momento certo e tenha uma melhor qualidade de vida. Além disso, mães soropositivas podem aumentar suas chances de terem filhos sem o HIV, se forem orientadas corretamente e seguirem o tratamento recomendado durante o pré-natal, parto e pós-parto.

 Os testes rápidos são realizados a partir da coleta de uma gota de sangue da ponta do dedo. O sangue é colocado em dois dispositivos de testagem e para chegar ao resultado, o profissional que realiza o teste segue um fluxo determinado cientificamente. Se os dois dispositivos tiverem os mesmos resultados, o diagnóstico já é fechado.

 Porém, se houver discordância entre os resultados, é feito outro teste com um terceiro para confirmação. Assim, o resultado tem a mesma confiabilidade dos exames convencionais e não há necessidade de repetição em laboratório. Esse método permite que, em apenas meia hora, o paciente faça o teste, conheça o resultado e receba o serviço de aconselhamento necessário.

Texto: Karine Gomes

Fotos: Irisvelton Silva

Comentários