Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Início Notícias Destaques Vale reúne com comunidades de Parauapebas para esclarecer sobre barragens

Vale reúne com comunidades de Parauapebas para esclarecer sobre barragens




A Vale está dando sequência as reuniões e visitas nas comunidades próximas às suas operações no Pará para falar sobre estabilidade de suas barragens e dar maior conhecimento sobre as ações de comunicação e orientação constantes no Plano de Ação de Emergência de Barragens (PAEBM). O objetivo é ampliar o conhecimento sobre o assunto, esclarecer dúvidas dos moradores. As ações acontecem junto com a Defesa Civil de Parauapebas.



“O objetivo da Vale é nivelar conhecimento, dar informações sobre as estruturas de barragens que a Vale tem no Norte, apresentando método construtivo, demonstrando a estabilidade das estruturas e sendo transparente com todo nosso processo de monitoramento e acompanhamento”, diz o Gerente de Desenvolvimento Territorial da Vale, Frederico Baião.

Sobre o método construtivo, as barragens da Vale no Estado empregam solo compactado/rochas na construção, diferente da metodologia à montante, no qual os alteamentos são feitos utilizando o próprio rejeito. Os monitoramentos são constantes e rigorosos. As estruturas estão operando dentro da normalidade e com fator de segurança atestado.

Apa do Gelado




Ontem, 18/3, na comunidade da Apa do Gelado, situada em região próxima à Mina de Carajás, em Parauapebas, foi realizada a quarta reunião entre Associação, Vale e Defesa Civil. Desta vez, a empresa apresentou, também a pedido da própria Comissão de Membros da Associação de Produtores Rurais (Aproapa), o Paebm. O documento deve ser elaborado pelo empreendedor e contém procedimentos de comunicação e atuação que devem ser adotados em uma situação de emergência na área denominada de autossalvamento, ou seja, que está situada dentro de percurso de 10 km de distância da barragem.

A apresentação do PAEBM e as reuniões já são ações previstas em legislação, a qual determina, que mesmo com a segurança das estruturas, as atividades devem ser discutidas junto com a comunidade, o que contribui para tornar as atividades ainda mais efetivas. O PAEBM foi protocolado nas prefeituras e defesas civis e deve ser aprimorado de forma conjunta com Defesas Civis e moradores.

O encontro atende também à solicitação da Aproapa. “A Vale veio colocar a segurança e a maneira de construção de nossas barragens, isso tranquiliza mais a nossa comunidade”, diz o presidente da Apropa, Raimundo Batista de Paula”. Ainda essa semana, a empresa inicia também visita de porta em porta na comunidade da Apa, para esclarecer o assunto e tirar dúvidas dos moradores. Reuniões e ações em outras comunidades também devem ser realizadas ao longo dos próximos meses.




Comentários

Must Read

População de Parauapebas começa a sofrer com o período de queimadas

O tempo seco e quente e ainda a fumaça provocada pelas queimadas têm provocado uma série de transtornos aos moradores de Parauapebas. A população também...

Vale oferta 270 vagas para o Programa de Formação Profissional em Parauapebas

A mineradora Vale abre nesta segunda-feira, 17 até o dia 7 de julho , 270 vagas para o Programa de Formação Profissional em Parauapebas. O...

Recompensa de R$ 5 mil sobre noticias de assassinos de mulher gravida em Canaã dos Carajás

Edna Diniz Torres, 34 anos, morreu à caminho do hospital, onde iria dar a luz, na noite da última sexta-feira (14), em Canaã dos...

63 mil pessoas ainda não foram sacar o PIS/Pasep no Pará

O prazo para os trabalhadores sacarem o abono salarial relativo ao ano-base 2017 termina neste 28 de junho, mas um grupo de mais de...

Com vagas em Parauapebas, Senac abre processo seletivo para 5 municípios paraenses; confira!

Estão abertas as inscrições para os processos seletivos destinados a contratação de empregados para as unidades em Belém, Ananindeua, Castanhal, Marabá e Parauapebas do...

Comentários