Na manhã deste domingo (15) no auditório da IFPA reuniram-se populares, movimentos sociais, entidades de classes, mulheres, lideranças comunitárias, jovens, artistas e militantes políticos na Conferência Municipal do PSOL (Partido Socialismo e Liberdade).  Numa manhã chuvosa a participação popular reforça a necessidade por mudanças urgentes e participativas. Entre debates, apresentação de tese, reflexões e proposições, o partido fez a eleição da sua nova diretoria que reconduziu o nome do Dr. Rubens Moraes Júnior para um novo mandato como presidente do diretório municipal.

Dr. Rubens Moraes

“É um momento de nos juntarmos de maneira suprapartidária para propor um novo modelo de gestão para essa cidade. São mais de três décadas de ineficiência com o uso dos recursos públicos que a cidade arrecada, se somarmos o montante desses 30 anos, teremos a clara percepção que nunca houve nenhum planejamento para o desenvolvimento de Parauapebas. O que vemos é uma cidade que sofre de mazelas nas áreas mais básicas, como saúde, educação, segurança e desenvolvimento. Temos bairros abandonados, famílias vivendo abaixo da linha da pobreza, enquanto arrecadação bate recordes a cada ano”, disse Dr. Rubens.

Durante a conferência o partido referendou o seu representante como pré-candidato a disputa nas eleições 2020, anunciando o nome do advogado e escritor Dr. Rubens Moraes Júnior.

“Uma candidatura orgânica, construída pela coletividade e discutida com as camadas populares da cidade e do campo. Estamos propondo um novo jeito de fazer política, sem o clichê que a frase costuma ser usada. Faremos uma pré-campanha que será pautada na junção de ideias, propostas e soluções para nossa cidade, estamos abertos a discutir com todos os que queiram somar para a construção de um plano sustentável e real para o desenvolvimento dessa cidade, um plano que coloque as pessoas como objetivo principal, porque acreditamos que nossa maior riqueza, sem dúvida não é o minério, é o nosso povo.” Concluiu Rubens Moraes.