Implantação do PTTS reúne 300 pessoas no Bairro dos Minérios

943

habitação

Com o objetivo de desenvolver ações de apoio e fortalecimento à participação efetiva, garantia de habitabilidade, geração de renda, entre outros benefícios para famílias contempladas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida que residem no bairro dos Minérios, a Secretaria Municipal de Habitação (Sehab) realiza o Projeto de Trabalho Técnico Social (PTTS) junto à referida comunidade.

A realização do PTTS deve vir antes da entrega os imóveis, o que não ocorreu no bairro dos Minérios, por isso é necessário celeridade no processo de implantação, de acordo com a Sehab. Para sensibilizar os moradores do bairro quanto aos benefícios que podem ser alcançados por meio desse trabalho, estão sendo realizadas cinco grandes reuniões envolvendo os proprietários das mil unidades habitacionais da localidade.

Na sexta-feira (19), foi realizado o quarto encontro na quadra da Escola Municipal Vinícius de Moraes. O encontro reuniu mais de 300 pessoas que puderam conhecer o PTTS e também tirar dúvidas sobre as atribuições dos órgãos da Prefeitura, com relação às ações que estão sendo feitas no bairro, como infraestrutura e saneamento básico.

Durante o evento foi reforçado também que o papel de fiscalizar se os moradores estão seguindo as recomendações no que diz respeito ao uso das unidades habitacionais é da Caixa Econômica Federal (CEF), assim como foram esclarecidos outros pontos.

Margarete Ferreira, agente de endemia, mora há cinco anos no bairro dos Minérios e destaca que a comunidade está comprometida em buscar melhorias e o exemplo é a participação expressiva nas reuniões. “Queremos que o nosso bairro seja um exemplo do Minha Casa, Minha Vida, conhecido pela organização, limpeza e tranquilidade” acrescentou Margarete Ferreira.

De acordo com Simone Moreira, diretora administrativa Sehab, quando encerrar o ciclo de reuniões, duas grandes assembleias serão realizadas com representantes do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saaep), Secretaria Municipal de Obras (Semob), Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb), Secretaria de Meio Ambiente (Semma) e da Caixa Econômica Federal para dar mais esclarecimentos à população do bairro.

“Durante esse ciclo de reuniões estamos esclarecendo o possível e registrando as dúvidas que permanecerem para que durante as assembleias sejam esclarecidas”, informou Simone.

De acordo com a Sehab uma empresa especialista em PTTS será contratada para desenvolver os diversos trabalhos previstos no projeto, entre eles implantação da economia solidária e a oferta de cursos e capacitações profissionais, assim como para dar suporte no processo de criação e estruturação da associação comunitária do bairro.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui