Em liberdade, goleiro Bruno recebe propostas e já negocia com clube

197

Condenado em 2013 pelo assassinato de Eliza Samudio, o goleiro Bruno Fernandes poderá voltar aos campos. Atualmente em regime semiaberto, o jogador já recebeu propostas de alguns times e chegou a se reunir com um clube.

Segundo os advogados de Bruno, o ex-flamengo se encontrou com diretores do Poços de Caldas FC. Antes que um contrato seja fechado, entretanto, será necessário formalizar um pedido ao juiz da vara de execução penal.

Em 2017, Bruno consegiu um habeas corpus e assinou com o Boa Esporte-MG, causando polêmica e dividindo a opinião de torcedores. A Justiça decidiu que ele deveria voltar a prisão dois meses depois.

Comentários