Portal Notícias de Parauapebas

Vereadores Braz e Miquinhas pedem recuperação da estrada vicinal Paulo Fonteles e da Vila Sanção

Em duas indicações distintas, os vereadores Israel Miquinha (PT) e Ivanaldo Braz (PDT) propuseram na sessão da última terça-feira (10), respectivamente, a recuperação das estradas da vicinal Paulo Fonteles, conhecida como “Ilha do Gelado” (Indicação nº 495/2021); e recuperação asfáltica da estrada de acesso à Vila Paulo Fonteles, no trecho entre a estrada do Salobo e a referida vila, e recuperação do trecho até a Vila Sanção (Indicação nº 503/2021).

Indicação nº 495

Segundo Israel Miquinha, os produtores rurais da vicinal Paulo Fonteles, conhecida como “Ilha do Gelado”, vêm sofrendo há anos com poeira no verão e buraco e lama no inverno.

“É de conhecimento geral que produtores, moradores e alunos que utilizam essas estradas necessitam dessa trafegabilidade, já que as vias rurais possuem extrema importância econômica, social e ambiental, pois são responsáveis pelo acesso da população rural a serviços básicos, como educação, saúde e lazer, e pelo escoamento da produção agrícola e, consequentemente, pelo abastecimento das zonas urbanas. Além do mais, é através dessas vias que os insumos agrícolas necessários à produção chegam às propriedades rurais”, destacou o parlamentar.

Ele acrescenta que garantir que essas estradas estejam trafegáveis durante os 365 dias do ano é mais que um compromisso com o homem do campo e com a dignidade do cidadão, uma forma de investir em toda a economia do município, já que a agricultura familiar é responsável por cerca de 80% da comida servida na mesa do brasileiro.

Indicação nº 503

Nesta indicação, Ivanaldo Braz justifica que a proposição visa atender aos anseios dos moradores das vilas Paulo Fonteles e Sanção, pois a pavimentação asfáltica nos trechos mencionados se encontra em péssimas condições de conservação, motivo pelo qual vem dificultando o acesso dos usuários, ocasionando prejuízos aos transeuntes.

“A recuperação da malha asfáltica vai ao encontro da necessidade e do direito do povo de se locomover pelo município. Além disso, eventuais prejuízos causados aos cidadãos, por acidentes ou danos aos veículos, pela falta de manutenção das vias, podem trazer encargos jurídicos e responsabilização ao município. Assim, pedimos empenho na realização destas benfeitorias”, conclui Ivanaldo Braz.

As duas indicações foram aprovadas por unanimidade em plenário, e agora elas serão analisadas pela Secretaria Municipal de Obras para serem executadas.

Texto: Waldyr Silva / Fotos: Felipe Borges / AscomLeg2021