Connect with us

Parauapebas

Unidade Básica de Saúde da VS10 será inaugurada hoje (2)

A prefeitura Municipal de Parauapebas por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), no intuito de atender as necessidades de saúde da população, irá inaugurar hoje (2), às 16h, a Unidade Básica de Saúde (UBS) VS10, situada na Av. VS10, Nº 03 e 04, Bairro Bela Vista.

A UBS é o contato preferencial dos usuários, a principal porta de entrada e centro de comunicação com toda a Rede de Atenção a Saúde. Atenderá a população em geral, em especial a população do Complexo VS10, composto por mais de 20 bairros, a estimativa de pessoas atendidas nessa UBS será cerca de 416 atendimentos diários, entre consultas médicas, de enfermagem, odontologia e procedimentos em geral (vacina, curativos, testes rápidos, inalação e administração de medicamentos).

A UBS VS10 será implantada com 4 (quatro) equipes de Atenção Básica, com estrutura  e equipamentos adequados para o funcionamento dos serviços, conforme parâmetros do Ministério da Saúde e funcionará de segunda a sexta-feira, com horário estendido, de 07h às 19h ininterrupto, com objetivo de ampliar  o acesso da população aos serviços de saúde.

“A população pode esperar uma equipe cheia de vontade de trabalhar, com grandes expectativas para levar um atendimento humanizado e com muito amor para os moradores da região. A UBS conta com uma equipe altamente capacitada formada por: 04 médicos, 04 enfermeiros, 04 odontólogos, 01 técnico, 01 auxiliar de saúde bucal, 10 técnicos de enfermagem, 09 auxiliares administrativos, 01 farmacêutico, 01 nutricionista, 01 fonoaudiólogo, 01 assistente social.” Destacou a diretora da Atenção Primária em Saúde, Késia Gomes de Andrade.

“Estamos buscando melhorar o acesso da população as nossas Unidades Básicas de Saúde. Nossa preocupação é garantir que estas Unidades funcionem bem e sejam as portas de entrada do SUS. Essa é uma das marcas da gestão do nosso prefeito Darci Lermen, o atendimento humanizado, prezamos muito por isso. Estamos trabalhando cada vez mais para oferecer um bom atendimento para nossa população e com qualidade. A Unidade Básica de Saúde da VS10 é um desejo dos moradores da região, e nós estamos entregando o que há de melhor em infraestrutura e atendimento”, destacou o Secretário de Saúde do Município, Gilberto Laranjeiras.

Continue Reading

Parauapebas

Cartão Merenda: Processo Licitatório é suspenso pela Justiça em Parauapebas

Em decorrência de uma ação judicial impetrada por uma das empresas participantes do processo licitatório do Cartão Merenda em Casa, a Prefeitura de Parauapebas teve que suspender o certame.

A determinação partiu do juiz Lauro Fontes Junior, da 3ª Vara da Fazenda Pública de Execução Fiscal da Comarca de Parauapebas, acatou o mandado de segurança da empresa Trivale Administração LTDA, desclassificada por não cumprir uma das cláusulas do edital.

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), informa que o protocolo do processo licitatório foi devidamente instruído, ocorreu em tempo hábil e seguiu todos os procedimentos e diretrizes legais, com transparência e lisura. Além disso, serão fornecidas todas as informações pertinentes à defesa judicial para que sejam dirimidas as questões suscitadas na decisão de suspensão, para que logo o processo seja julgado e a tramitação regular do certame seja retomada.

A gestão municipal ressalta que sabe da importância do auxílio para reforçar a alimentação de todos os estudantes da rede municipal de ensino, que devido à Covid-19 estão estudando de forma escalonada, e que fará o que estiver ao seu alcance para que os procedimentos ocorram com o máximo de celeridade e presteza.

Continue Reading

Parauapebas

Projeto Gemas e Joias capacita alunos para lapidação no Garimpo das Pedras

O curso é realizado pela Seden com aulas práticas e teóricas para a extração de pedras preciosas da região

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento (Seden), iniciou na manhã deste sábado, 13, a segunda turma do Projeto Gemas e Joias, que vai certificar novos lapidadores na comunidade Garimpo das Pedras, zona rural da cidade. 

O objetivo do curso visa o desenvolvimento sustentável e econômico da região, onde os alunos vão aprender em aulas práticas e teóricas, a lapidar as pedras preciosas, tendo todo um equipamento adequado para modelar o material bruto, deixando as pedras mais lisas e brilhosas, dando uma forma diferente, gerando renda e possivelmente deixando um legado pelo trabalho que será realizado na comunidade. 

“O projeto pode mudar a minha vida e com essa especialidade posso muito bem criar uma certa profissão, agregando nas atividades que os meus pais já trabalham. Mexendo com as pedras e eu como filha, poderia ajudar muito bem nessa especialização, uma pessoa a mais para ajudar agregando a nossa comunidade”, relatou Tamires Queiroz, aluna do curso. 

O Projeto Gemas e Joias faz parte do Programa Municipal de Investimentos (PMI), que ao final do curso da segunda turma vai certificar mais 12 novos lapidadores no Garimpo das Pedras. Os alunos vão conhecer os valores de como é produzido o material, ganhando essa oportunidade para que sua produção possa chegar ao mercado exterior como na Ásia e Europa, tendo como exemplos a China e a Alemanha, respectivamente. 

“Isso é muito gratificante. O Garimpo das Pedras tem aproximadamente 40 anos descoberto e até hoje, nunca se teve uma ideia de trabalhar a gema, que é produzida aqui na região e esses são exportadores principalmente para a China, e de lá para o resto do mundo. A ideia é boa de treinar pessoas, de preparar o morador daqui, da comunidade, além de abrir um leque muito grande de emprego, e de valorização do nosso bem mineral que é raro, você cria expectativa para o jovem, para a fixação dentro da região, uma fonte de renda que não se tem em outros campos”, disse Adilson Barbosa, presidente da Cooperativa dos Produtores de Gemas do Sul do Pará (Coopergemas).

Para alguns especialistas, a pedra ametista é uma das melhores do mundo e ela será lapidada pelos alunos do projeto, onde vão aprender a transformação da pedra bruta e que terá a valorização quando tiver a sua lapidação. Os garimpeiros vão poder multiplicar seus valores correspondentes as suas fabricações e a comunidade acredita no talento dos alunos para fazer as pedras circularem, primeiramente, na própria comunidade. O Garimpo das Pedras é referência dentro do estado do Pará e transforma a vida da população, proporcionando renda e dias melhores para os moradores da região. 

“Hoje o benefício para os nossos jovens, que eram muito carentes de cursos, e agora como conseguimos o Gemas e Joias que está dentro da nossa comunidade, e com esse curso é muito bom para a nossa comunidade, desenvolver recursos financeiramente, futuramente e outros mais. É bom para a qualificação dos jovens como hoje nós temos a carência disso de qualificação, é muito importante, e que hoje juntamente com a prefeitura e a Seden traz esse curso para a nossa comunidade e muitos outros que virão”, afirmou Leandro Souza, presidente da Associação dos Moradores. 

O secretário da Seden, Mariano Júnior, esteve na aula inaugural da segunda turma realizada na Escola Mércia Lacerra Miranda, e acredita que o curso foi bem aceito pela população, e que o Projeto Gemas e Joias pode seguir, também, na zona urbana de Parauapebas, pelas variedades e quantidades de pedras preciosas que o município possui, onde podem ser transformadas em gemas e artesanatos, gerando renda com a venda para o mercado nacional e para o exterior. 

“A segunda turma de lapidação tem um avanço, e a gente consegue observar. A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento, acredita no projeto de verticalização dessa cadeia produtiva e a comunidade Garimpo das Pedras, é hoje um case para a gente trabalhar essa verticalização. A Seden vem através dessa produção ajudar a comunidade a gerar emprego e renda e melhorar a vida de todo mundo”, ressaltou Mariano Júnior, secretário de Desenvolvimento.

Texto: Fábio Relvas

Fotos: Elienai Araújo

Continue Reading

Parauapebas

Saaep normaliza abastecimento no bairro Tropical

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas (Saaep) normalizou o abastecimento da população residente no bairro Tropical no último fim de semana. O fornecimento de água da região ficou comprometido pelo baixo nível da barragem, influenciando na regularidade da distribuição.

Para abastecer o bairro Tropical (1 e 2 e Ipiranga), o Saaep realiza distribuição de aproximadamente 100 mil litros de água por hora, que são captados de duas represas. No entanto, com a estiagem deste ano, o volume da represa principal reduziu além do habitual.

Dessa forma, foi necessária a realização de uma manobra para ampliar a produção, o que incluiu a ativação de mais uma bomba em outro ponto de captação, capaz de enviar cerca de 120 mil litros por hora para Estação de Tratamento de Água (ETA IV).

Além da manobra emergencial para restabelecer o serviço, o Saaep estuda formas de melhorar o abastecimento na região. Uma delas é a reativação de poços quando o volume do lençol freático estiver normalizado.

Continue Reading

Logo