Desde o último dia 27 de fevereiro, equipe técnica do Inmetro está em Parauapebas para atestar o correto funcionamento dos radares de trânsito. A aferição, que termina nesta quarta-feira (04), viabiliza a transparência e lisura no preenchimento dos autos de infração eletrônica.

“A aferição dos radares gera credibilidade no equipamento. Uma vez que o Inmetro vem aqui, faz todos os testes e afere que o equipamento está apto a conferir a velocidade, gera credibilidade tanto para o órgão de trânsito quanto para os condutores”, explica João Monteiro, diretor do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT).

A aferição é feita uma vez por ano, mas caso o radar apresente algum problema antes desse prazo o Inmetro pode ser acionado para regularizar o aparelho.  Além da aferição, também está sendo feita a substituição dos lacres. “No caso, aqui, estamos trocando os lacres, que são antigos. Esse é um tipo de lacre que já saiu de linha, vamos colocar agora um código de barra”, informa o metrologista do Inmetro, Alício Brito.

Texto: Sara Dias
Fotos: Arquivo Semsi 

 

registrado em:

Comentários