A chuva que caiu na cidade nesta terça-feira, 24, com duração de cinco horas, serviu como teste para as obras de drenagem que estão sendo feitas pela Prefeitura de Marabá. E o resultado foi positivo, segundo moradores de ruas e avenidas que já foram drenadas e pavimentadas.

Uma das vias em que os moradores sofreram por longos anos, cada vez que chovia forte, era a Avenida Boa Esperança, no Bairro Laranjeiras. Porém, agora, depois que ali aconteceram obras de drenagem, o problema foi eliminado, conforme atesta o morador Crispim José dos Santos, de 86 anos, que vive há 41 anos naquela via. “Agora está um serviço de homem, porque, depois que a prefeitura fez drenagem, a água vai embora. Antes ficava uma lagoa e ninguém conseguia atravessar a rua”, lembra o aposentado, ressaltando que os donos de estabelecimentos comerciais sofriam com a água entrando em seus comércios e causando prejuízo financeiro.

Quem também estava comemorando por não ter ocorrido alagamentos na Feira das Laranjeiras era Vera Lúcia Santos de Almeida, que faz parte da administração daquele mercado. “Antes, quando chovia, os carros não conseguiam passar aqui na Boa Esperança e as motos desciam levadas pela água. Era um desespero”, recorda, acrescentando que, nesta terça-feira, pela primeira vez não ocorreu esse problema no local.

Uma parte da Boa Esperança, porém, sofreu de alagamento, o trecho que fica no Bairro Liberdade. Naquele perímetro o problema é crônico, pois, administrações anteriores, apesar de dotarem a via de drenagem, o fizeram com tubos de diâmetro pequeno, que não são conta da vazão das águas.

Para também livrar esses moradores do incômodo da cheia sempre que chove, a prefeitura está estudando soluções e uma delas é, no futuro, a troca total da drenagem existente ali.

No Bairro Bom Planalto, Núcleo Cidade Nova, que também recebeu serviços de drenagem, a Avenida Itacaiúnas este ano não enfrentou mais problemas de alagamento. “A colocação dessas manilhas foi ótimo e resolveu de uma vez os nossos problemas, porque antes, quando chovia, a rua virava mar”, comemorou a dona de casa Francisca Ferreira de Souza, 54 anos.

Morando há sete anos, na Avenida Marabá, no Bairro Jardim União, Vandi Leite dos Santos, o Macarrão, 40 anos, também recorda que, desde que mudou para aquele bairro, teve dificuldades com os alagamentos. “Várias manifestações foram realizadas aqui, demorou mais veio um asfalto bom, drenagem de boa qualidade e agora acabou a chuva e logo a água seca”, disse.

A Avenida Marabá, para quem não lembra, foi asfaltada nada menos que três vezes em governos anteriores, mas, sem drenagem, a cada inverno sofria com alagamentos e as águas levavam todo o asfalto, restando lama no inverno e poeira no verão.

Também foram beneficiados com a drenagem e não enfrentaram alagamentos nesta terça-feira moradores das ruas Manoel Pedro de Oliveira, José Cursino de Azevedo, Miguel Basílio, Alfredo Monção, Cuiabá e José Bandeira, entre outras do Núcleo Cidade Nova.

Na Nova Marabá e no bairro Independência, entre outros, devido a Operação Inverno, que vem ocorrendo desde o mês de outubro, em vários pontos em que antes havia alagamentos, não houve transtornos.

Comentários