Já se encontra preso a disposição da justiça  o flanelinha e ex presidiário Erivaldo de Oliveira Nunes, 33 anos de idade, vulgo “Sorriso” acusado de ser o autor da morte de sua companheira, Antônia Raquel, 34  anos, assassinada a golpes de facsa no início da madrugada de hoje , 20, na calçada do SINE, rua 11, bairro Cidade Nova.
Sorriso que já puxou cadeia pela mesma prática de crime, foi preso pela guarnição do sargento PM Wanderlan e o cabo PM Barbosa, duas horas depois de ter esfaqueado sua mulher em uma discussão entre ambos.
De acordo com o sargento, após o corpo ter sido removido do local pela equipe de remoção do Instituto Médico Legal (IML), sua guarnição passou a realizar buscas na área na tentativa de localizar e prender o autor do crime.
“Fomos até alguns moradores de rua e de imediato colhemos informações que levou a autoria do crime. Fomos informados que o autor do crime teria sido o marido da vitima, conhecido por “Sorriso”, destaca o PM.
Nas nossas buscas havíamos passado e conversamos com o  acusado e ele havia nos dito que esse Sorriso teria acabado de passado por ele correndo no sentido a beira do Rio, fomos lá e não encontramos.
No retorno conversamos com outras testemunhas e nos apontaram ele como sendo o assassino, então o prendemos na rua “A”, frisou o policial, acrescentando que ao ser indagado  Sorriso confessor ter matado a mulher, no entanto não relatou o motivo do crime.
Na delegacia a reportagem tentou conversar com o acusado porém o mesmo não quis conversa com a imprensa.
Caetano Silva da redação do Portal Noticias de Parauapebas

Comentários