Lágrimas escorrem pelo rosto da dona de casa, Zenaide dos Santos, 36 anos. Para ela, é difícil segurar a emoção, pois, há anos, Zenaide sonha em ter uma casa própria para criar os quatro filhos. Mãe solteira, ela teve que enfrentar a vida cedo. Moradora de uma área de risco de Parauapebas, a invasão do Riacho Doce, no bairro Primavera, a dona de casa agora acredita num futuro melhor: “Ganhar uma casa é a realização de um sonho para mim e para os meus filhos. Estou muito feliz e sou eternamente grata a Deus”, disse, emocionada.

A emoção de Zenaide também foi sentida por várias outras mulheres e homens, beneficiários do projeto habitacional Vale do Sol. Na última sexta-feira (3), no Ginásio Poliesportivo, a Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), realizou o sorteio de localização das unidades habitacionais do projeto, que é custeado 100% com recursos do município. No evento, os futuros moradores do residencial souberam o número de suas casas.

O sorteio iniciou às 16 horas e se estendeu pela noite. Todo o processo foi acompanhado pelo prefeito Valmir Mariano, a secretária de Habitação, Maquivalda Barros, familiares dos beneficiados e autoridades municipais. Valmir Mariano cumprimentou todos os moradores e garantiu que é meta da gestão proporcionar moradia digna a quem mais precisa. “Vamos continuar promovendo melhorias para a nossa cidade e para a população. O meu governo é para todos!”, enfatiza.

 A também dona de casa, Cleudilene Altina Conceição Carvalho, 35 anos, não conteve o choro ao saber que ainda este ano receberá a tão sonhada moradia. Ela viveu por quase quatro anos na parte baixa do Morro do Chapéu, onde está sendo construído o Residencial Alto Bonito. Para Cleudilene, com a conquista da casa própria, a vida passa a ter outro sentido: “nada é impossível para àquele que crê. Eu acreditei primeiramente em Deus e, segundo, no governo do senhor Valmir Mariano. Sei que a minha fé me trouxe até aqui. Eu agradeço a todos vocês”, declara.

 Aos 55 anos e mãe de quatro filhos, Maria Alice de Oliveira, fez questão de dizer que sempre acreditou na equipe da Habitação. “Eu sou uma pessoa humilde, mas sentia que eles [servidores da Sehab] fariam o melhor por nós. E, hoje, eu sei que eles sempre quiseram o nosso bem, desde o momento que nos tiraram do Morro do Chapéu”, recorda.

 Residencial Vale do Sol

Dotado de toda infraestrutura básica, o projeto prevê a construção de 424 unidades habitacionais, com área de 45m². Além das moradias, a Prefeitura vai construir também equipamentos públicos: uma Unidade Básica de Saúde, uma Escola de Educação Infantil, bem como, playground, pavimentação com piso rústico das áreas e academia ao ar livre.

O projeto está localizado na Rodovia Faruk Salmen, teve início em janeiro de 2014 e tem previsão de entrega para o segundo semestre deste ano.

Texto: Jéssica Borges/Ascom PMP

Fotos: Irisvelton Silva e Anderson Souza

Comentários