A eleição é em outubro, e o registro oficial dos candidatos é só em agosto. Mas a movimentação de políticos e partidos já é forte em torno de nomes para disputar os cargos eletivos em 2018.

Em Parauapebas vários nomes são colocados a disposição para o cargo de deputado estadual, dentre eles, o vereador Marcelo Parcerinho (PSC) se manifestou e disse que é pré candidato ao cargo após conversa com o partido.

JOSÉ MARCELO ALVES FILGUEIRA 

José Marcelo Alves Filgueira (PSC), conhecido popularmente por “Marcelo Parcerinho”, nasceu no dia 24 de dezembro de 1972, em Fortaleza (CE), é casado e tem um casal de filhos menores de idade.

Marcelo chegou a Parauapebas com dez anos de idade (1982), onde cresceu, tornou-se adulto e constituiu família. Foi assessor parlamentar do então vereador Fernando da Ótica, no período de 1992 a 2004, e também assessor do então vice-prefeito Pastor Moisés, no período de 2004 a 2008.

Marcelo Parcerinho é membro da Igreja Evangélica Assembleia de Deus Missão em Parauapebas, desde 2005, onde vem contribuído com um importante papel social, de cujo segmento recebeu grande parcela dos 1.406 votos conquistados nas eleições de 2012, classificando-o como primeiro suplente e possibilitando que assumisse a titularidade de uma cadeira na Câmara Municipal em 2015.

Inicialmente, Parcerinho filiou-se ao PSC (Partido Social Cristão). Em 2011, tornou-se membro efetivo do PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) no município. Em 2016, o vereador retornou ao PSC e saiu vitorioso das eleições daquele ano. Foi o terceiro mais bem votado, com 2.859 votos, para o mandato 2017/2020.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here