“Isto aqui é muito grande e minha companhia não vai ter condições políticas para ficar com tudo.” A frase, dita pelo geólogo Gene Tolbert, chefe do programa da US Steel que descobriu Carajás, no Pará, marca o início de uma nova fase, com a entrada da Vale na missão. O segundo episódio da série sobre os 50 anos da descoberta de Carajás narra os fatos a partir do início da pesquisa geológica na região até a inauguração da Estrada de Ferro Carajás (EFC).

 Pouco depois da descoberta da primeira clareira em Carajás, a siderúrgica norte-americana cedeu 51% dos direitos minerários da região para uma empresa brasileira: a então Companhia Vale do Rio Doce. Conheça a história de brasileiros como Eliezer Batista, José Eduardo Machado e Vanderlei de Rui Beisegel, que trabalharam duro na pesquisa geológica e no ousado plano – que incluiu a construção de uma ferrovia e de um porto – para levar ao mercado internacional o minério de mais alto teor de ferro do mundo.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here