Uma noite especial com significado de vitória e conquista. Esse foi o clima da colação de grau dos 20 bacharéis em Administração Pública da Universidade Federal do Pará (UFPA), realizada no último dia 30, no espaço Cabocla Eventos, Cidade Jardim.

Iniciado em 2011, o curso foi realizado por meio do Programa da Universidade Aberta do Brasil (UAB), na modalidade a distância, e é fruto de parceria entre a Prefeitura Municipal de Parauapebas e a UFPA.

Entre os formandos estava a técnica administrativa Janaína Lima da Silva, servidora efetiva da prefeitura. Bastante emocionada, Janaína curtiu cada segundo de sua formatura, que, para ela, representa o início de uma nova etapa em sua vida. “Esse curso é uma conquista na minha vida. Ele me capacitou para exercer minha função de maneira eficiente e me habilita a buscar novas possibilidades. Estou muito feliz e só tenho a agradecer a todos que contribuíram para a realização deste sonho”, comemorou a formanda.

De acordo com o assessor de Comunicação da prefeitura, Sérgio Ramos, realizações como essa só são possíveis porque o governo municipal tem priorizado a educação. “Isso pode ser visto atualmente com tantas pessoas alcançando a tão sonhada graduação”, diz ele. “Como também em avaliações externas, como o Ioeb [Índice de Oportunidades na Educação Básica]. Nós somos hoje, nesse indicador, a melhor cidade do Pará e mais bem posicionada que 14 capitais, inclusive Porto Alegre”, completou Ramos, ressaltando que as parcerias entre governo municipal e universidades públicas estão mantidas e que muita coisa ainda estar por vir.

Ensino Superior

Segundo Ângela Kobayashi, a Universidade Federal tem contribuído significativamente para o desenvolvimento do Pará. “A UFPA tem buscado, por meio de parcerias com as prefeituras, levar o ensino superior a cada parte do estado”, explica a acadêmica. “Já formamos várias turmas de Administração Pública, em 2014, nos polos de Dom Eliseu, Oriximiná e Benevides. Em 2015, concluímos em Capanema, Cametá, Marabá e Parauapebas e ainda temos cinco polos para colar grau em 2017. Pessoas capacitadas transformam o lugar onde vivem. Parauapebas é exemplo disso”, destacou.

Em seu discurso, a professora Fíbia agradeceu aos formandos pela convivência, mencionou a importância de a universidade estar presente no interior paraense, falou sobre o quanto os alunos estão preparados para assumir as mais variadas funções no setor público e desejou que parcerias como esta, entre a prefeitura e a universidade, tenham prosseguimento.

“Os alunos das universidades a distância têm conquistado melhores notas nas avaliações em relação aos estudantes de cursos presenciais. Isso demonstra o quanto estão preparados”, lembra a educadora, agradecendo a todos que contribuíram para que o curso fosse possível. “A Prefeitura de Parauapebas foi fundamental para essa conquista”, elogiou.

De acordo com Catarina de Lourdes, esta é a quinta turma de concluintes da UAB do polo de Parauapebas. “Além desta, tivemos o prazer de acompanhar a conclusão da turma de Licenciatura em Ciências Biológicas, de Letras e de duas turmas de Matemática. Nossos alunos são vencedores, pois encararam o desafio do ensino a distância e se tornaram profissionais competentes”, concluiu.

Além de familiares e amigos dos formandos, participaram da colação professores, a exemplo das homenageadas Fíbia de Brito Guimarães e Valdeny Nascimento Bandeira; a diretora da Faculdade de Administração Pública da UFPA, Ângela Maria da Silva Kobayashi, representando o reitor Carlos Edilson de Almeida Maneschy; a coordenadora da Universidade Aberta do Brasil (UAB) polo Parauapebas, Catarina de Lourdes Santos da Silva; o empresário Hipólito Nascimento Gomes; e o assessor de Comunicação da Prefeitura de Parauapebas, Sérgio Ramos, representante do prefeito Valmir Queiroz Mariano.