Suspeito da morte de cabo Santarém em Parauapebas confessa o crime

0
3368

Eduardo Araújo Barbosa, 20 anos de idade, que estava em silêncio desde sua prisão realizada pela Polícia Militar manhã de sexta feira (13) e foi apontado como um dos envolvidos na morte do Polícia Militar Raimundo Nonato Oliveira de Souza, cabo PM N. Oliveira, também conhecido por cabo “Santarém”, confessou o crime em depoimento na tarde da última terça-feira (17).

A reportagem do Portal Noticias de Parauapebas não teve acesso ao depoimento do mesmo, entretanto as informações dão conta que ele relatou que a chegada deles na casa do policial seria para roubar e não para matá-lo.

O caso aconteceu por volta das 23 h00 do dia 11 de setembro, no interior da residência da vítima no bairro Cidade Jardim, em Parauapebas. quando quatro indivíduos invadiram a casa do policial que se preparava para dormir, momento em que passaram a torturar-lo e a esfaquear-lo baleando a vítima com 4 tiros da própria arma.

Eduardo Araújo foi preso no bairro dos Minérios, mediante mandado de prisão temporária expedida pela justiça de Parauapebas.

 

A polícia levará o mesmo até a Vila Sororó onde outros dois envolvidos no crime tombaram em confronto com a Polícia de Marabá, após terem assaltado uma loja naquela localidade.

Na fuga na hora da interação policial, segundo informações a pistola PT-40 do policial levada pelos assassinos após o matarem, teria sido jogada no matagal próximo onde os mesmos foram abordados pela polícia.

Caetano silva para o Portal Noticias de Parauapebas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here