Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Início Notícias Destaques Sem convênio, Apae fecha as portas

Sem convênio, Apae fecha as portas

A Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Parauapebas está com as portas fechadas desde dezembro do ano passado. A entidade deixou de atender 104 crianças porque não tem recurso financeiro para custear as despesas, após findar o convênio que tinha com o município, que era o que garantia o seu funcionamento.

Preocupadas com a situação dos filhos, que dependiam da entidade para fazer fisioterapia, exercício com fonoaudiólogo e outros atendimentos na área de saúde e educacional, as Mães da Apae, como se autodenominam, estiveram na última terça-feira (16) na Câmara Municipal de Parauapebas para denunciar a situação e pedir o apoio dos vereadores para agilizar os trâmites para a renovação do convênio com a prefeitura.

Mãe de Arthur, de 5 anos, Ana Kalline diz que não sabe mais o que fazer, porque o filho precisa de atendimento e os custos são altos. Ela diz que nas sessões com fonoaudiólogo se gasta uma média de R$ 1,6 mil mensal e nem todos os pais têm condições de financeiras para isso.

“Nós estamos pedindo até pelo amor de Deus que esse convênio seja renovado para que a Apae reabra as portas, porque é a vida dos nossos filhos que está em jogo. Quanto mais tempo eles ficam sem atendimento, mais complica a situação deles”, diz Kalline.

Segundo ela, a previsão é que o convênio seja retomado em março ou abril, tempo que conta contra a saúde dos que necessitam fazer fisioterapia, por exemplo. “Três meses sem tratamento é uma eternidade para quem luta diariamente para ter as condições mínimas para viver”, desabafa.

Além das 104 crianças atendidas, a entidade conta com uma fila de espera de vários candidatos aguardando abrir uma vaga. Boa parte dos vereadores se disse sensibilizado com a causa e o líder do governo na Câmara, Bruno Soares (PP), ficou de realizar uma reunião para tentar agilizar, junto ao Executivo, a renovação urgente do convênio.




Fonte: CT online




Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Must Read

Prefeitura entrega kits uniformes para mais de 300 alunos de escolinha de futsal

Na manhã deste sábado (16), mais de 300 crianças atendidas pela escolinha de futsal mantida pela Secretaria de Esporte e Lazer (Semel) receberam da...

Bancos reabrem crédito para antecipar restituição do IR

Os grandes bancos reabriram a linha de crédito para antecipação da restituição do Imposto de Renda. Para acessar o empréstimo, é preciso entregar a...

Braz indica melhorias na Estação Ferroviária e solicita recuperação de vias na zona rural

Na sessão da Câmara Municipal de Parauapebas desta terça-feira (12), o vereador Ivanaldo Braz (sem partido) apresentou duas proposições. A Indicação n° 37/2019 solicita ao...

Vereador Rafael Ribeiro propõe realização de diagnóstico da juventude

Com o objetivo de identificar as necessidades da parcela jovem da população, o vereador Rafael Ribeiro (MDB) propôs, por meio da Indicação n° 40/2019,...

Do Pebas a Paris: Confraria de Artes de Parauapebas realizará feira beneficente de artes no CDC

Entre os dias 22 e 23 de março o Centro de Desenvolvimento Cultural de Parauapebas (CDC) irá receber um grande evento beneficente de incentivo...

Comentários