Reforma do Estádio Rosenão entra em fase de conclusão e será entregue em grande evento

0
422

A reforma do Estádio Rosenão, iniciada em janeiro deste ano pela nova diretoria da Liga Esportiva de Parauapebas (LEP), já está em conclusão. Parte da grama foi trocada na área do campo, que mede 7.140 metros quadrados, em seguida, uma camada de areia foi colocada sobre o gramado para nivelar o solo e evitar a formação de buracos. O gramado, que antes da restauração estava com cerca de 80% contaminado com pragas, agora está verdinho, no ponto de receber os campeonatos.

Além da recuperação do gramado, a pintura de toda a estrutura, a troca dos portões de entrada e a substituição do sistema de iluminação, principalmente dos refletores do campo, integram a reforma do Estádio Rosenão. “Mesmo sem sermos obrigados, realizamos uma consulta prévia junto aos clubes associados à Liga, para tratarmos da reforma, todos concordaram sobre sua necessidade. Então, a partir de várias parcerias, iniciamos esse grandioso trabalho. É preciso que o Estádio esteja em boas condições para receber os campeonatos”, afirmou Eldermarte dos Santos, presidente da LEP.

O custo da obra será bancado a partir da entrada de receitas no caixa da Liga, inclusive de ações promocionais como as rifas de seis motos, que serão realizadas ao longo do ano. “Também contamos com o apoio tradicional que o governo municipal fornece para o desenvolvimento do futebol amador no município, por meio do convênio com a Secretaria Municipal de Esportes. Com esse recurso é possível realizar os grandes campeonatos esportivos da nossa cidade”, acrescentou Eldermarte Santos. A meta da presidência da LEP é concluir toda a reforma até o final de março, pois a partir de abril já iniciam os campeonatos municipais.

Evento de entrega da reforma do Rosenão

A reforma do Rosenão será comemorada com um grande evento programado para o início de abril, na oportunidade será realizada a rifa de uma moto, ação que contará com o apoio direto, principalmente nas vendas da rifa, dos clubes vinculados à LEP. “Precisamos nos esforçar para levantar capital, pois temos dívidas da gestão passada para quitar”, afirmou o presidente da LEP.

 

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.