Uma guarnição do Grupo Tático de Operações da Polícia Militar recapturou por volta da meia-noite de terça para esta quarta-feira (2) o fugitivo Paulo Henrique Rosa Magalhães, conhecido por “Boca Lisa”, que na tarde do último sábado (28), durante o jogo entre Brasil e Chile, escapou de uma das celas da carceragem municipal do Bairro Rio Verde, em Parauapebas, na companhia de outros 10 detentos. “Boca Lisa” foi detido e preso em sua residência, localizada no Bairro Tropical, Parauapebas.

Os demais internos que escaparam da carceragem continuam sendo procurados pela polícia. São eles: Carmindo Almeida dos Santos, Davi Coen Chaves, Edimilson Sousa Veloso, Erinaldo da Silva, Jardênio Damascena da Viana, Jonatan Gomes Martins, Leandro Andrade de Sousa, Lucenildo da Silva, Maciel Souza Vieira e Israel Henrique Cândido, o “Pink”.

De acordo com explicações da diretora da unidade da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe), Nilcélia de Souza Silva, conhecida por “Mayra”, a fuga se deu depois que os presidiários abriram um buraco no teto de uma das celas e ganharam a liberdade. Ela acrescenta que os internos se penduraram na laje até conseguir abrir o buraco e escaparam no “cavalo doido”.

Quando os agentes prisionais perceberam a situação, durante ronda, eles ainda chegaram a ver os presos correndo por cima do telhado, e pediram apoio da Polícia Militar, que demorou chegar à carceragem. Enquanto isso, os agentes se dirigiram à cela para evitar a fuga de outros internos.

A diretora da Susipe pede à população que, caso tenha conhecimento de onde possam estar escondidos alguns dos fugitivos, denuncie o paradeiro por meios dos telefones (94) 3346-2250 (Disque Denúncia), 3356-2007 (carceragem) e 3346-8189 (Polícia Civil).

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here