Partage Shopping Parauapebas sofre com fechamento de lojas

2812

Uma nova categoria de shopping centers se espalhou pelo País nos últimos anos, com praças de alimentação vazias e tapumes no lugar de vitrines. São os shoppings “fantasmas” e em Parauapebas a situação não é tão diferente;

Apesar de ter apenas um shopping, Parauapebas é um município atípico e enfrenta varias adversidades, como a ausência de empregos e o alto valor dos produtos comercializado no município, o Partage Shopping Parauapebas vem sofrendo com a queda na movimentação nas dependências do empreendimento e o fechamento de lojas com frequência.

Localizado às margens da PA-275, o empreendimento é administrado pelo Grupo Partage, o shopping, possui 21.200 mil m² de área construída, sendo 14.500 mil m² de ABL (área bruta locável), 741 vagas de estacionamento e vagas para 100 lojas, sendo varias estão fechadas.

De acordo com um lojista que teve que ‘baixar’ suas portas, o alto custo do aluguel do local é um dos fatores, além dos valores cobrados no estacionamento para os clientes e a queda na movimentação que tem feito cair as vendas bruscamente, ficando quase que inviável para os lojistas.

No ponto de vista de economistas o local já não é mais um ponto atrativo no município que tem feito o consumidor ir em busca de outras alternativas, comprometendo as vendas no shopping.

Quem circula pelo local já nota a diferença e o impacto da falta de opção de lojas para comprar, tendo também varias lojas lideres em reclamações dos consumidores junto ao Procon do município.

Comentários