Com o objetivo de estreitar a parceria entre a mineradora Vale e o município de Parauapebas, o prefeito da cidade, Valmir Queiroz Mariano, esteve na sede da empresa no Rio de Janeiro, na última sexta-feira (11), para um encontro com o presidente da Vale, Murilo Ferreira.

O prefeito reforçou junto ao executivo a importância da empresa para o município assim como os benefícios que uma parceria mais estreita pode gerar para todos. Dentre os diversos assuntos tratados destacaram-se os impactos sociais sofridos pelo município por conta do alto índice de imigração, assim como o governo municipal tem canalizado esforço para dotar a cidade de infraestruturas e de investimentos na educação.

Valmir Mariano destacou que seu governo está preparando o município para uma nova fase com novas matrizes econômicas e reforçou o papel da Vale como agente parceira no desenvolvimento da região. O prefeito enfatizou que mais de 75% dos funcionários da empresa, lotados no sistema norte, moram em Parauapebas, por tanto são beneficiados, assim como a população em geral, com todos os investimentos em educação, segurança, mobilidade urbana e demais ações que agregam à qualidade de vida das pessoas, o que colabora para a produtividade dos profissionais da empresa.

Presente no encontro, o secretário municipal de planejamento e gestão, Wander Nepomuceno, disse que a estruturação do Distrito Industrial foi pauta de destaque durante a conversa entre os dois gestores. “Cerca de 60 mil empregos diretos e indiretos podem ser gerados com a consolidação do Distrito Industrial em Parauapebas, que beneficiará com sua produção toda a região sul e sudeste do Pará”, destacou o secretário.

A área total do Distrito Industrial é de 750 mil m2 e para a implantação do polo de mineração foi destinado um espaço de 250 mil m2. O restante da área deve ser destinado ao desenvolvimento de outros polos como o metal mecânico e de indústrias voltadas à verticalização mineral, em que produtos de materiais de polietileno, pré-moldados para construção civil, industrialização de fibras e resinas, entre outros, podem ser produzidos.

De acordo com Wander Nepomuceno, o presidente da Vale se mostrou muito receptivo durante o encontro e disposto a colaborar para o estreitamento da parceria. Uma agenda de encontros posteriores foi estabelecida para que seja formado um grupo de trabalho focado na estruturação do Distrito Industrial e das demais sugestões de parcerias apresentadas pela prefeitura.