O estado do Pará está entre os primeiros colocados de um ranking nada animador: o estado está entre os primeiros do país sobre desperdício de medicamentes, segundo dados do Sistema Único de Saúde (SUS).

O órgão nacional gasta aproximadamente R$ 7,1 bilhões em medicamentos, que deste valor, o Pará perde quase R$ 3.585.595,26 com remédios vencidos, de acordo com dados levantados pela Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), nos anos de 2013 e 2014.

Entre os remédios encontrados com validade vencida estão comprimidos de Metotrexato, usado no tratamento contra o câncer e medicamentos que combatem a osteoporose (perda de material ósseo). Topimarato, substância utilizada na luta contra o câncer de próstata e Galantamina, usado para o tratamento do Mal de Alzheimer também estão na lista de medicamentos vencidos.

A validade de curta duração e a pouca utilização de pacientes ao longo do tratamento contribui para o desperdício.

Além do Pará, os estados de Amapá, Bahia, Ceará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Pernambuco e Piauí figuram entre os primeiros colocados.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here