Mulher é morta a tiros na porta de casa no bairro Rio Verde

Caetano Silva da redação

0
4346

A Polícia Civil de Parauapebas busca informações que possam levar ao paradeiro do assassino da usuária de droga Lucicleide da Silva Santana, de 32 anos de idade, mãe de duas filhas, natural de Teresina (PI), morta à tiros na manhã de domingo (25) na rua Fortaleza, antiga rua do meio, bairro Rio Verde.

De acordo com o companheiro da vítima, o também usuário de entorpecente Alexandre da Silva Santana, era por volta das 05h00 da manhã quando ele teria ouvido dois disparos de arma de fogo na frente de sua residência, momento em que olhou e viu um homem em uma moto efetuando vários disparos contra sua companheira.

Após o assassino deixar o local,  Alexandre abriu a porta e se deparou com sua companheira caída no chão já sem fala.

Lucicleide foi ocorrida pela ambulância do SAMU e levada as presas para o Hospital Municipal, porém uma hora depois de ter dado entrada veio a óbito.

Não há muitas informações quanto ao motivo do crime, porém as informações repassadas para a polícia, foi que Lucicleide pode ter sido morta por acerto com o tráfico por dívida de drogas.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui