Moderador do jogo Baleia Azul está preso em Belém

0
2158

Foi apresentado nesta sexta-feira (30), em Belém, Jadson Cantanhede Amorim, de 19 anos, suspeito de ser um dos moderadores do jogo Baleia Azul, que induz os participantes a cometerem suicídio. Uma das vítimas do acusado foi uma jovem paraense, de 18 anos, moradora do município de Ananindeua, Região Metropolitana de Belém, que fez a denúncia aos policiais.

Jadson foi preso nesta quinta-feira (29), em um povoado próximo à Bequimão, no interior do Maranhão, durante uma operação realizada pela Polícia Civil do Pará, com a apoio de policiais do Maranhão. Ele acessava a internet através de uma antena localizada na casa dos pais, onde morava.

Segundo a polícia, o jovem foi localizado através do rastreamento de dados e do IP utilizado pelo suspeito, uma espécie de registro único feito por cada computador. Ele utilizava um perfil falso na rede social Facebook, com o nome de Scott Taylor, no qual chamava novos participantes para o jogo. O número total de vítimas com quem ele conversava ainda não foi descoberto, mas a polícia já identificou uma moradora de Portugal que recebia orientações do jogo por Jardson.

Ele foi autuado por indução ao suicídio e deverá ser ouvido pela polícia. O celular dele também será periciado, junto com o da vítima, cujo aparelho já está no Centro de Perícias Renato Chaves.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.