Os municípios de Parauapebas, Canaã dos Carajás e Curionópolis, que estrelam o complexo minerador de Carajás, confirmaram nesta terça-feira (8) o melhor resultado para o Pará na produção industrial brasileira, de acordo com a “Pesquisa Industrial Mensal: Produção Física Regional” assinada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No acumulado de 12 meses, entre junho de 2016 e junho de 2017, o Pará apresenta produção industrial positiva, na faixa de 4,1%, enquanto o resultado é vermelho em dez das 14 regiões pesquisadas. As demais taxas positivas são de autoria do Rio de Janeiro (1,8%), Santa Catarina (1,1%) e Paraná (0,8%).


De acordo com o órgão, o minério de ferro apre
sentou impacto positivo de 0,8% na indústria paraense no semestre encerrado em junho frente ao mesmo período do ano passado. Foi o único segmento de produção industrial, de uma gama de sete especialidades, que se destacou positivamente.

POR OUTRO LADO

Em junho, a produção industrial do Pará caiu 0,4% ante a maio. Anteriormente, havia sido registrado recuo de 0,8% em abril e avanço de 3,3% em maio. No trimestre encerrado em junho, houve expansão de 0,7% em relação ao trimestre anterior.

Fonte/ Assopem

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here