Marabá: Exército e Semsur reiniciam hoje combate ao Aedes aegypti

846

Nesta segunda-feira (22), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Exército e Secretaria Municipal de Urbanismo (Semsur) retomaram a batalha contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. A ação começou pelo Bairro Morada Nova e pela Vila São José.

O trabalho se estenderá a até o dia 8 de abril e visa, principalmente, orientação aos moradores e a procura e eliminação de focos do inseto. As equipes percorrerão todas as áreas de maior proliferação do mosquito.

Segundo Crissiana Dias, diretora do Departamento de Vigilância em Saúde da SMS, a campanha conta com 45 militares e agentes de endemias na orientação aos moradores e na busca aos focos do Aedes.

Enquanto isso, uma equipe da Semsur faz a limpeza das áreas visitadas, incluindo recolhimento de entulho das residências, que devem ser colocados na rua pelos moradores.

Em Marabá, de acordo com a Vigilância Epidemiológica, não há registro da febre zika, nem chikungunya. No entanto, há registro de casos de dengue.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui