‘Hotéis desativados’ são usados para ponto de prostituição em Parauapebas

551
Especial/Distrito Guaicurus. Foto: Flavio Tavares/O Beltrano

A rede de hotelaria de Parauapebas teve um grande crescimento na última década no município, mas da mesma forma em que muitos hotéis foram construídos, muitos sequer foram inaugurados e ficaram desativados por muito tempo. 

Mas, o mercado da prostituição disfarçado não se restringe a boates e casas noturnas e em vários ‘hotéis desativados’ garotas de programa realizam seus atendimentos em Parauapebas.

Os anúncios podem ser checados em sites de acompanhantes que possuem atuação em todo o país.

Os ‘hotéis desativados’ são locais apropriados para esta prática, tendo em vista que a grande maioria já estavam finalizados, no ponto de receber os hóspedes e que por alguma virtude, não teve sua inauguração realizada. Sem fachadas, sem grandes movimentações os locais não chamam a atenção da população.

Comentários