As agências do Banpará e Banco da Amazônia do município de Eldorado dos Carajás, região sudeste do Pará, foram atacadas por grupos de assaltantes na madrugada desta quinta-feira (10).

De acordo com a Polícia Civil, sete assaltantes armados chegaram no município em três veículos. Um caminhão foi queimado sobre uma ponte na estrada que dá acesso a Parauapebas, para impedir a passagem de viaturas da PM. Outros dois veículos e uma caminhonete foram usados para chegar até as agências, que ficam no mesmo bairro da cidade. Segundo a polícia, os bancos foram invadidos e os vigilantes das agências foram rendidos.

Foto: divulgação/Polícia Civil

A polícia disse ainda que o bando instalou explosivos nos caixas eletrônicos e cofres para detoná-los. A explosão danificou a área interna dos bancos. Na fuga, os assaltantes levaram um dos vigilantes como refém e o abandonaram na rodovia BR-155, no trecho da chamada Curva do S, onde seguiram uma estrada vicinal, que dá acesso às cidades de Piçarra e São Geraldo do Araguaia, no sul do Pará.

A polícia informou que após a fuga da quadrilha, os policiais militares dos Grupamentos Táticos de Marabá e Parauapebas foram deslocados para o município, com policiais civis da Superintendência da Região Sudeste, sediada em Marabá.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A polícia continua as buscas para capturar o bando. Uma equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves de Parauapebas vai periciar as agências. A polícia ainda não sabe os valores roubados das agências. A Polícia Civil irá deslocar policiais civis da Delegacia de Repressão a Roubos a Bancos (DRRB) para presidir as investigações.

Em nota, o Banpará disse que está colaborando com as investigações policiais. “Devido o sinistro ter ocorrido de madrugada, a Unidade estava sem funcionários e os meliantes tomaram como refém o vigilante que foi liberado em Marabá e passa bem”, diz o comunicado.

O banco disse ainda que a unidade voltará às atividades assim que os danos forem reparados.

(Com informações da Polícia Civil)