Na tarde da última sexta-feira (22), as Secretarias Municipais de Produção Rural (Sempror) e Serviços Urbanos (Semurb) reuniram cerca de 250 feirantes do Centro de Abastecimento de Parauapebas (Cap). No encontro, os feirantes receberam orientações quanto às normas da Vigilância Sanitária na comercialização de alimentos em geral, boas condições de uso, higiene e limpeza do local, além do uso de equipamento para cada atividade desenvolvida.

Na ocasião, a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) explicou aos feirantes sobre o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). O Programa propicia a aquisição de alimentos da agricultura familiar, com a dispensa de licitação. Os produtos são destinados às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional e àquelas atendidas pela rede socioassistencial. A Semas fará uma seleção dos produtores do Cap aptos para o programa. 

De acordo com coordenador de Feiras e Mercados da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb), Elias Craveiro, o encontro foi educativo e informativo, com o objetivo de melhorar cada dia mais o ambiente para os feirantes e consumidores. Para isso foi criado o regulamento do Cap. No documento, o vendedor terá acesso a todas as normas adotadas no sistema de funcionamento da feira.  

No encontro os vendedores tiraram dúvidas e expuseram suas sugestões.  Segundo a administração do Cap serão dadas todas as condições necessárias de infraestrutura que estão faltando, como a climatização do local. Para que dessa forma não haja motivos para o não cumprimento do regulamento e também as normas de Vigilância Sanitária.

Liliane Diniz
Núcleo de Imprensa | Ascom

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here