Expedição Carajás leva servidores públicos à Floresta Nacional de Carajás

1112

Noticias de Parauapebas

“Estou entusiasmado e agradecido a Deus por estar aqui hoje”, destaca o coordenador do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), Allan Werbertt de Miranda, referindo-se à Expedição Carajás, que levou servidores públicos para um rico e belo passeio na Floresta Nacional de Carajás (Flonaca), no sábado, 31 de maio.

Realizada pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult), em parceria com a Cooperture Carajás, ICMbio e Vale, a expedição teve como proposta apresentar aos aventureiros o ecossistema único presente em Carajás e um contato direto com a natureza. Para a servidora Samara Sousa de Moura, o passeio foi maravilhoso e “é impossível não se encantar com a riqueza e beleza da floresta”.

O passeio teve início com saída da portaria de Parauapebas, trilha pela Lagoa da Mata, ida ao mirante da mina de N5 e savana metalófila, passagens pelas grutas da Guarita e Mapinguari e banho na cachoeira de Águas Claras. Segundo a guia turística da Cooperture, Paula Sueli Duarte Monteiro, a Floresta Nacional de Carajás tem em sua extensão aproximadamente 411 mil hectares. Muitas áreas da Flonaca são de difícil acesso, reconhecidas apenas por sobrevoos.

Os pontos nos quais a expedição passou representam menos de 1% de toda a floresta, disse Paula Duarte aos aventureiros, acrescentando que a floresta também está presente nos municípios de Canaã dos Carajás e Água Azul do Norte, além de Parauapebas. “Existe um potencial turístico em Carajás muito elevado e queremos que os moradores da cidade tenham a oportunidade de conhecê-lo. A Floresta Nacional de Carajás tem muitos atributos que podem ser explorados e, por meio do ecoturismo, queremos sensibilizar as pessoas sobre a importância da preservação dessas áreas”, relata a guia.

O servidor da Coordenadoria Municipal da Juventude, Israel Santos Silva, elogiou o roteiro do passeio e demonstrou interesse em voltar: “Tenho 24 anos e nunca tive a oportunidade de visitar essa maravilha. Estou muito satisfeito em conhecer um pouco mais da beleza da cidade onde nasci. Eu gostei de tudo”, afirma.

Para a diretora do Museu de Parauapebas e idealizadora da Expedição Carajás, Rose Valente, a iniciativa deve continuar, pois o objetivo da Secretaria de Cultura é proporcionar à comunidade um maior contato com a natureza. “Trata- se de um projeto piloto, que faz parte da programação do aniversário de 26 anos de Parauapebas. Mas nossa intenção é que essa atividade possa ser frequente, pois esse tipo de atividade ajuda na conservação da floresta e no despertar de uma consciência ecológica por parte das pessoas”, destaca.

A aventura contou com a participação de servidores das secretarias de Cultura, Educação, Administração, Saúde, Planejamento, Habitação, Gabinete, Procuradoria Geral e da Coordenadoria de Treinamentos e Recursos Humanos. O passeio foi realizado em dois dias: sábado, 31/05, com servidores da Prefeitura de Parauapebas, e no domingo, 1º/06, com a comunidade.

Jéssica Borges
Núcleo de Informação | Ascom

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui