Trending News

Blog

Discussão de condomínio em Parauapebas termina em uma mulher morta e duas pessoas feridas
Notícias

Discussão de condomínio em Parauapebas termina em uma mulher morta e duas pessoas feridas 

Borracheiro é preso por matar e ferir duas mulheres

Foi preso e apresentando na 20° Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, acusado de Homicídio e tentativa de Homicídio, o borracheiro Jennys de Sousa e Sousa, 32 anos de idade natural de Buriti-Cupú,(MA).

Ele foi pego meio hora depois de ter cometido o crime tendo como vitimas, duas mulheres que residiam no mesmo condomínio que ele, localizado na rua Humberto de Campos, 326, bairro Caetanópolis, Parauapebas.

O crime aconteceu por volta de 00h30min, de quinta-feira (18), após uma discussão entre o acusado e as vitimas Nathália Caroline Duarte Barbosa, 23 anos de idade, e sua companheira Luciene da Silva Ferreira, 24 anos.

De acordo com informações colhida junto ao acusado a confusão teria começado porque Nathália teria lhe furtado uns perfumes, por isso ele que mora no apartamento 07, teria se dirigido ao AP-10 cobrar de Nathália Caroline os itens supostamente roubados, porem o clima teria esquentado e as duas mulheres teriam partido para cima dele, instante em que ele que também armado de uma faca teria se defendido ferindo Nathália e Luciene, a primeira caiu na porta de seu quarto, morrendo instantaneamente, já Luciene ferida em três lugares do corpo conseguiu correr para fora do condomínio vindo a cair na calçada onde foi socorrida pelo SAMU e encaminhada ao Hospital Municipal.

Enquanto isso o acusado, Jennys de Sousa, se evadiu do local, mas o mesmo foi capturado pela guarnição da Polícia Militar composta pelo capitão Costa e cabo Conceição, na rua Marabá, bairro da Paz.

Ferido e sangrando bastante Jennys foi levado pela guarnição ao hospital para curativos onde também foi reconhecido por Luciene. (Caetano Silva)

Related posts

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com