O pedreiro Cesar Lima Nonato, de 28 anos de idade, natural de Santa Inês, Maranhão, foi preso por volta das 23h30 desta segunda-feira (25) pela guarnição do sargento PM R. Matos e o cabo PM N. Oliveira, acusado de aliciamento de menores. Segundo informações o caso vinha acontecendo com dois adolescentes um de 13 e outro de 15 anos de idade.

De acordo com o sargento R. Matos, por volta das 19h30 sua guarnição recebeu informação via Centro de Controle Operacional, (CCO), de uma situação de pedofilia que estaria acontecendo no bairro Nova Carajás.

Quando a polícia chegou na residência do denunciado o mesmo estava trancado com outro adolescente. A tia da vítima contou para a equipe do Portal Noticias de Parauapebas que já seria o segundo sobrinho dela que o acusado aliciava mais que o caso só foi descoberto naquela noite a mãe das vítimas leu umas mensagens mandada pelo acusado para o celular da vítima de 13 anos, nas mensagens o acusado Cesar Lima, pedia para que o rapaz enviasse para ele fotos dele nu e de suas partes intimas, na mensagem ele também dizia que queria beijá-lo na boca. Sua segunda vítima tem 13 anos e sofre de deficiência física.

De acordo com o sargento PM R. Matos, em uma conversa com o adolescente o mesmo teria contado que já havia tido relação sexual com Cesar Lima.

Nilva Araújo, tia das vítimas e coordenadora Municipal da Juventude falou para nossa reportagem que o caso já vinha acontecendo a pelo menos três anos e que além do aliciamento em que as vítimas vinham sofrendo também sofriam ameaças de morte por parte do acusado caso suas vítimas o denunciasse.

A reportagem tentou conversar com o acusado entretanto o mesmo não quis falar sobre a acusação que pesa sobre ele. Devido às ameaças contra a vítima de 13 anos, Nilva Araújo disse que seu sobrinho terá que ser acompanhado no dia a dia e também para escola.

Cesar Lima, responderá o artigo 217 do Código Penal Brasileiro  por violência sexual contra menores de 14 anos, crime inafiançável.

Caetano Silva – Da redação do Portal Noticias de Parauapebas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here