Localizado às margens da rodovia Faruk Salmen e ocupando uma área de cinco alqueires no perímetro urbano de Parauapebas, o Cemitério Jardim da Saudade começou a funcionar em 11 de janeiro de 2000 e está com o matagal cobrindo boa parte dos túmulos.

16265598_1089074507887828_8276318304704905972_n

Em 2016 a ultima limpeza ocorreu em Outubro de 2016, sendo apenas emergencial e superficial para o dia dos finados e com as chuvas de novembro e dezembro o mato cresceu e tomou conta de toda a área.

“A ultima limpeza que teve foi apenas para as famílias conseguirem encontrar os túmulos dos parentes, não foi aquela limpeza que realmente o local necessita, para atender a demanda e o crescimento do matagal é necessário que seja realizado pelo menos três limpezas no decorrer de cada ano” declara o servidor público que não quis se identificar.

16142233_1089074831221129_5430636531949287122_n

Na manhã desta segunda-feira (23) o casal Lúcio e Janaína foram ao cemitério visitar o túmulo da mãe de Lúcio, mas infelizmente não conseguiram chegar ao local em virtude do matagal ter tomado conta de toda a área ” É triste, fomos visitar o túmulo de minha mãe e não pude chegar ao local porque o matagal tomou de conta de tudo e não havia acesso, é um descaso do poder público com as famílias e até com quem está enterrado” relata Lúcio.

A equipe do Portal Noticias de Parauapebas entrou em contato com a Prefeitura Municipal de Parauapebas através da Assessoria de Comunicação que emitiu a seguinte nota, confira na integra:

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb), informa que a respeito do Cemitério Jardim da Saudade, localizado no bairro Vila Rica, a primeira manutenção deste ano está programada para ser realizada no início do mês de março. Na ocasião, além da limpeza, outros serviços rotineiros também serão feitos pela secretaria.

A Semurb informa ainda que os serviços estão sendo programados de acordo com um cronograma estabelecido pela secretaria para atender todas as demandas do município, organizando suas equipes de trabalho.

Pablo Oliveira do Portal Noticias de Parauapebas