Em reunião com representantes dos setores atacadista e varejista do Pará, o Governo do Estado definiu na tarde do dia (1º) as estratégias de distribuição da alimentação escolar aos alunos da rede estadual pública de ensino. A garantia da alimentação para os estudantes é um dos compromissos assumidos pelo governo durante o período de suspensão das aulas, em decorrência da pandemia de Covid-19. A reunião foi conduzida pelo auditor-geral do Estado, Giussepp Mendes, e pela secretária de Estado de Educação, Elieth de Fátima Braga.

Os vales serão pequenos cartões magnéticos, que poderão ser trocados por gêneros alimentícios. Apenas os estabelecimentos comerciais credenciados pelo Governo do Estado poderão aceitar o cartão.

Em Parauapebas o cartão do auxilio merenda começou a ser distribuído nesta quarta-feira (22) para todos os alunos devidamente matriculado na rede estadual de ensino do Pará.

O auxilio beneficiará cerca de 11 mil alunos no município com um subsidio de R$80,00 (Oitenta reais) e Apesar das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Saúde e Secretaria de Saúde do Pará para evitar aglomerações, a entrega dos vales será presencial na escola onde o aluno estuda de acordo com cronograma de cada direção.