Academia Jovem Concertante faz turnê no Pará com apresentação em Parauapebas

0
417

Idealizada e dirigida pela pianista mineira Simone Leitão, a Academia Jovem Concertante faz turnê pelo Pará entre os dias 30 de janeiro e 3 de fevereiro. Com regência do violinista Daniel Guedes, o grupo estreia no dia 30 de janeiro, em Parauapebas, no Centro Cultural Parauapebas e no dia 1º de fevereiro, no Ginásio Municipal Poliesportivo “Chorão”.A última cidade é Marabá, com dois concertos, nos dias e 3 de fevereiro, na Faculdade Metropolitana. Nas cidades em que a orquestra jovem irá passar, também serão realizados concertos sociais em estações de trem e escolas municipais. A Etapa Pará da AJC tem patrocínio da Vale por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura do Governo Federal.

Ao longo de um mês, o projeto organizou um processo seletivo para escolher 28 jovens para compor a orquestra. Eles se reúnem a partir do dia 24 de janeiro para um intenso cronograma de ensaios. Durante a turnê, os selecionados recebem uma bolsa-incentivo, além de transporte, estadia e alimentação.

Nesta etapa, também intitulada de Etapa Mozart, o programa será composto pela Sinfonia no. 40 em sol menor e Concerto para piano e orquestra em Fá Maior KV 459, de Mozart, além de peças de compositores brasileiros.

ACADEMIA JOVEM CONCERTANTE

A Academia Jovem Concertante, projeto que tem direção artística da pianista Simone Leitão e regência do violinista Daniel Guedes, estreou em 2012 com uma turnê que percorreu sete estados brasileiros. O projeto é um trabalho intensivo, itinerante, com repertório orquestral variado, que visa preparar o jovem músico para o seu futuro como integrante de orquestras relevantes do país, e levar a música sinfônica para lugares e espaços pouco explorados no país.

SIMONE LEITÃO

“Leitão, was the capable, note-perfect soloist.” Lawrence Budmen, Miami Herald 2009.

“Técnica impressionante e um dedilhado cheio de vitalidade.” Ayache, São Paulo 2013.

“Técnica fluente, paixão, precisão, controle infalivel. Uma artista nata.” Harry Rolnick, Nova York 2015.

Com uma carreira ativa como recitalista, camerista e solista de orquestras nas Américas, Europa e Ásia, Simone Leitão é uma das mais atuantes pianistas brasileiras. A artista é conhecida por sua performance intensa, ampla capacidade técnica, forte direção rítmica e personalidade, mas também vem ganhando notoriedade por divulgar a música clássica brasileira no exterior através do projeto Brasil Classical Series e por idealizar programas culturais e sociais que “popularizam” a música erudita no Brasil, como a Academia Jovem Concertante e a Semanas Internacional de Música de Câmara do Rio de Janeiro e de Belo Horizonte.

Simone possui D.M.A. (Doctor of Musical Arts) em Piano Performance e História da Música pela Universidade de Miami (Estados Unidos), Mestrado pela NorgesMusikkhögskole (Academia de Música da Noruega, Oslo) e Bacharelado em Música pela Uni-Rio. Sua tese de doutorado foi sobre Momoprecoce para piano e orquestra de Villa-Lobos.

Leitão se apresenta anualmente em importante salas de concertos, entre ela o Carnegie Hall, a Sala São Paulo, e a Sala Cecília Meireles.  Em maio de 2015, retornou ao Carnegie Hall para mais um recital anual e saiu aclamada pela crítica de Nova York por sua performance de Ravel e Villa-Lobos.

DANIEL GUEDES

Considerado um dos mais importantes músicos brasileiros de sua geração, Daniel Guedes vem atuando como violinista, violista, camerista, professor e regente. Carioca, nascido em 1977, formou-se na Manhattan School of Music, onde estudou com Pinchas Zukerman e Patinka Kopec. Vem atuando como solista das principais orquestras brasileiras e em vários países do exterior. Como regente, atuou à frente de orquestras como a  OSB Ópera e Repertório, OSUSP, Sinfônicas de Campinas, Bahia, da UFRJ, Academia Jovem Concertante, entre outras. Membro do Quarteto da Guanabara e professor da UFRJ. Gravou CD com sonatas de Beethoven com Ilan Rechtman, “Impressões Brasileiras” e “Violão e violino” com Mario Ulloa.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui