O motorista Afonso da Costa Cardoso, 26 anos de idade, escapou de ser linchado após ter colidido com uma moto Honda Biz, cor e placa, não anotada, pilotada por uma mulher identificada apenas por Jhesica, que teria sido arrastada pelo por cerca de 10 metros, pelo veículo Ford Fiesta, cor vermelha, de placa HPR-0462, São Luiz- MA, conduzido por Afonso da Costa, que tentou se evadir do local sem prestar socorro a vítima, fato que causou indignação a outros motoqueiros que passavam pelo local.

O caso aconteceu por volta das 23h30, do último domingo dia 19, na rua Caena com Avenida Inglaterra, bairro Novo Horizonte.

Afonso Costa, que apresentava visíveis sinais de embriaguez tentou se evadir do local do acidente de macha ré instante em que colidiu também com um ônibus estacionado na rua Caena, próximo ao cruzamento onde teria batido na moto de Jhesica.

Ao sair rasgando a lateral esquerda do ônibus, o carro que Afonso Costa conduzia parou depois de bater na parede da residência de numero 1317, localizada a dois quarteirões do local da primeira colisão.

Segundo testemunhas, ao perceberem que o condutor do Fiesta estava embriagado, vários motoqueiros se juntaram e partiram para cima do mesmo e armados de pau e pedra tentaram lincha-lo.

Na hora do ocorrido, Afonso Costa estava acompanhado de duas mulheres, entretanto o mesmo só não foi linchado por intervenção do proprietário do ônibus identificado por Andrade, que evitou o pior e a acionar a Polícia Militar.

Na revista realizada dentro do veículo, os policiais encontraram um balde com gelo e 4 latinha de cerveja.

Além do motorista e sua namorada identificada por Jociane Cruz, dona do veículo, e sua amiga Alane de Sousa, estava no interior do Fiesta também foram agredidas com socos e ponta pés. Os ocupantes e o veículo foram em caminhados para a 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil em Parauapebas, onde foi apresentado ao delegado plantonista Thiago Carneiro, enquanto as duas mulheres foram encaminhadas para o hospital municipal. Procurado pela reportagem o condutor do veículo não quis falar com a imprensa.

Caetano Silva – Da redação do Portal Noticias de Parauapebas